International Speakers / Moderators

VSA Apresentação
Encontro Internacional de Inclusão pela Arte (INARTE)
Dezembro 12 – 19, 2010
Lisboa, Portugal
Apresentação
A Arte de Inclusão: Design Universal na Educação, Programação e Festivais.
Dawn McAndrews, Directora do Festival VSA, irá discutir a história, missão e programação da VSA, a organização internacional das artes e da deficiência, assim como a sua rede de filiados em todo o mundo, partilhando a sua experiência na produção internacional de Festival VSA 2010. Vai também explorar o trabalho de VSA na educação inclusiva e Design Universal para ambos os ambientes de aprendizagem e de programação.
Biografia
Há mais de quinze anos que Dawn McAndrews tem trabalhado como directora, produtora, educadora e dramaturga em vários teatros dos Estados Unidos. Em Julho de 2009 juntou-se a VSA, para produzir o Festival Internacional VSA 2010. Anteriormente já tinha trabalhado como directora artística do Festival de Shakespeare em St. Louis e como Directora da Companhia Shakespeare Theatre.
Tem desenvolvido iniciativas de educação artística e projectos de pesquisa para o National Endowment for the Arts, Theatre Communications Group, the Shakespeare Theatre Association of America, D.C. Arts and Humanities Education Collaborative, entre outros.
Como fundadora do Teaching Artist Training Lab, uma iniciativa destinada a aumentar a capacidade de ensinar os artistas que trabalham em escolas e organizações comunitárias de base, tem também desenvolvido programas sobre a criação de currículos inclusivos e ambientes de aprendizagem. De 1994-2007 leccionou Artes de Integração para Professores do Ensino Fundamental na UCLA, e recentemente leccionou como Professora Adjunta no Departamento de Artes Cénicas da Universidade Saint Louis. Possui um mestrado em Belas Artes e Direcção e uma Pós-Graduação em Belas Artes e Performance.
VSA e História do Festival
VSA, Organização Internacional Das Artes e da Deficiência, foi fundada há mais de 35 anos pelo embaixador Jean Kennedy Smith, com o objectivo de oferecer o acesso às artes e às oportunidades de educação a pessoas com deficiência, aumentando o acesso às artes para todos. Com 52 filiais internacionais e uma rede de filiados em todo o país, o VSA está a mudar a percepção sobre pessoas com deficiência em todo o mundo. Em cada ano, 7 milhões de pessoas de todas as idades e habilidades participam em programas da VSA, que cobrem todos os géneros artísticos. VSA é uma filial do John F. Kennedy Center for the Performing Arts. Para obter mais informações, visite www.vsarts.org.
Em Junho, VSA produziu o Festival Internacional VSA 2010, o quinto evento, apresentado pelo VSA, que levou, artistas, educadores, investigadores e políticos, com e sem deficiência de todo o mundo a Washington, DC, para uma celebração multicultural das artes e educação.
O Presidente Barack Obama e a sua Esposa serviram com anfitriões de honra ao festival que contou com 620 artistas visuais, performances, literatura e mídia de 60 países em seis continentes, bem como 47 eventos em 18 salas com um público de mais de 575 mil pessoas. O Festival Internacional VSA 2010 foi o maior evento de artes multicultural de artistas com deficiência a ter lugar em Washington, DC, até à data.

_____________________________________________________________

VSA Presentation Description
International Meeting of Inclusion through Art (INARTE)
December 12 – 19, 2010
Lisbon, Portugal
Presentation Description
The Art of Inclusion: Universal Design in Education, Programming, and Festivals.
Dawn McAndrews, VSA Festival Director, will discuss the history, mission, and programs of VSA, the international organization on arts and disability, and its network of affiliates across the globe; and share her experience producing the 2010 International VSA Festival. She will also explore VSA’s work in inclusive education and Universal Design for both learning environments and programming.
VSA & Festival Background
VSA, the international organization on arts and disability, was founded more than 35 years ago by Ambassador Jean Kennedy Smith to provide arts and education opportunities for people with disabilities and increase access to the arts for all. With 52 international affiliates and a network of nationwide affiliates, VSA is changing perceptions about people with disabilities around the world. Each year, 7 million people of all ages and abilities participate in VSA programs, which cover all artistic genres. VSA is an affiliate of the John F. Kennedy Center for the Performing Arts. For more information, visit http://www.vsarts.org/.
In June, VSA hosted the 2010 International VSA Festival, the fifth such event presented by VSA, bringing artists, educators, researchers, and policy makers both with and without disabilities from around the world to Washington, D.C. for a multicultural celebration of the arts and education. President and Mrs. Barack Obama served as honorary chairs of the festival that featured 620 visual, performing, literary, and media artists from 60 countries on six continents as well as 47 events at 18 venues with audiences of more than 575,000. The 2010 International VSA Festival was the largest multicultural arts event featuring artists with disabilities to take place in Washington, D.C., to date.
_____________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________
Gerda König

Gerda König nasceu em Colónia em 1996 e estudou Psicologia na Universidade da mesma cidade. Iniciou-se no meio da dança em 1991. Após ter colaborado com o Mobiaki Dance Ensemble e com a Paradox Dance Company, fundou em 1995 a DIN A 13 Dance Company, uma das poucas companhias de dança mundiais mistas de bailarinos profissionais e bailarinos com deficiência. A sua linguagem visual rompe as fronteiras instituídas e tem o mérito de conjugar características físicas individuais com performances de dança altamente qualificada. Desde a sua formação, o grupo tem actuado sob a direcção artística de Gerda e também com a sua colaboração como bailarina, em numerosas produções cinematográficas e festivais de dança internacionais na Europa e América do Norte e Sul. Em 2005 impulsionou o projecto Dance meets differences (Dança ao encontro da diferença), com o objectivo de usar a dança como meio de incentivo a câmbios interculturais e afirmar novas companhias mistas em diversos continentes (projecto suportado pela Kulturstiftung des Bundes em colaboração com o Goethe-Institute Sao Paulo e Nairobi).

______________________________________________________________

Gerda König was born in Cologne in 1966 and studied psychology at the University of Cologne. She began to focus on the medium of dance in 1991. After collaborating with the Mobiaki Dance Ensemble and the Paradox Dance Company, she established the DIN A 13 Dance Company in 1995 one of the fewest mixed-abled dance companys worldwide. Her visual language breaks down the presumed boundaries and values between physical characteristics and top dance performance. Since then she has worked as the ensemble’s artistic director and as one of its dancers, and has staged numerous feature-length productions that have been performed at international dance festivals in Europe and in North and South America. In 2005, she instigated the project Dance meets differences with the aim of using the medium of dance to foster intercultural exchanges and to establish new mixed-abled companies in various continents (supported by the Kulturstiftung des Bundes in cooperation with the Goethe-Institute Sao Paulo and Nairobi).
______________________________________________________________________________
______________________________________________________________________________
Paulo Azevedo

Diretor Artístico e Coreógrafo da DI Cia de Dança é Mestre em Políticas Sociais; Graduado em Educação Física, Escritor;Professor convidado pelo Seminário Dança e Educação em Porto Alegre/RS; Atuou em mais de 16 países como coreógrafo, palestrante e professor; Representou o Brasil a partir da banda ART.1 no WCPRC (Prêmio Nobel dos Direitos das Crianças no Mundo) em Marifried e Estocolmo, na Suécia; Representou o Brasil como conferencista no Encontro “Centro e Periferia: produção da dança contemporânea hoje”, em Oslo, Noruega. Vencedor do Prêmio Itaú Cultural Rumos Educação Cultura e Arte pelo trabalho desenvolvido com a DI Cia de Dança; Palestrante no Festival Brasil Move Berlim 2009, no Festival Visões Urbanas e no Festival Panorama 2010.
___________________________________________________________________________
Artistic Director and Choreographer of DI Dance Company, he got a Master in Social Politics and a degree in Physical Education. He is the author of the books Dança de Rua, contando histórias (Street Dance, Telling Stories); GREM: a descoberta de talentos nas escolas municipais de Macaé (GREM: discovering talents in the municipal schools of Macaé); Meninos que não criam permanecem no CRIAM. (Children who do not create pertain to the CRIAM), inspired by the live stories of adolescents in conflict with the Law.
He is also the author of the investigation project Corpo Aberto (Open Body) about the relationships between body and memory between Brazil and Benin, invited as professor to Itaú Cultural Institute/ Rumos Educational Program, (2006) and to Dance and Education Seminar in Porto Alegre/SR (2006/08). He worked in more than 16 Countries as choreographer, lecturer (Brasil Move Berlim 2009) and professor; he represented Brazil with the band ART.1 in WCPRC (Nobel Prize for World Children Rights) in Marienfried and Stockholm, Sweden (2007) and as lecturer at  “Centro e Periferia: produção da dança contemporânea hoje” Meetings
(Centre and Suburbs: Contemporary Dance Production Nowadays), in Oslo, Norway (2008). He has been awarded, for his activity with DI Dance Company, with the Prémio Itaú Cultural Rumos Educação Cultura e Arte 2009/2010.
______________________________________________________________________________
______________________________________________________________________________
Renato Mota
Renato Mota é intérprete-criador da DI Cia de Dança com experiência de 9 anos em dança. Actuou no Festival Brasil Move Berlim, no Projecto com a Cabeça na Roda Prémio FUNARTE Klauss Vianna de Dança; Ocupação da Caixa Cultural e no Festival Internacional Visões Urbanas. Prof. da oficina de Teatro e Gesto e Movimento para pessoas com deficiência, no CIEM.h2. Recentemente, assumiu o cargo de Assistente de Direcção e é o Professor da Escola DI, que prepara novos talentos para a CiA.

_______________________________________________________________

Renato Mota is an interpreter-creator of DI Cia Dance with nine years of experience in dance. He has performed in the Festival Brazil Move Berlim, on the Project Cabeça na Roda, which won the FUNARTE award. Klauss Vianna Dance; Ocupação da Caixa Cultural and in the International Festival of Urban Visions.
Recently assumed the position of Assistant Manager and is the teacher of DI School, which prepares new talents for CiA.
 
 
 
Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s